5 dicas – melhorando a base de dados do PES
close
5 dicasAnálises | Reviews

5 dicas – melhorando a base de dados do PES

5 dicas – melhorando a base de dados

Olá, brothers! Chegou mais um “5 dicas”, a coluna semanal da Webrothers onde discutimos melhorias para a nossa amada franquia Pro Evolution Soccer. Antes de partirmos para as dicas desta semana, vamos dar uma olhada nos melhores comentários da semana passada.

O nosso leitor Patrício deu a dica de inserir os fatores climáticos (chuva, neve, etc) e que eles deveriam influenciar no jogo, na maneira de como a bola rola, etc. Sim, Patrício, isto estará no PES 2015 de maneira muito realista. Entretanto, iremos ter um “5 dicas” somente sobre isso. Aguarde e confie.

Já o membro Kassito deu a dica de que poderíamos, na ML e MLO, criarmos nosso time do zero, escolher seu nome, contratar os jogadores, construir o estadio, e etc. Realmente seria muito bom fazermos isso ao invés de usar aquele time com Castolo e cia. O Kassito ainda deu outras dicas pra integrar o PES de diferentes plataformas. Isso tudo foi anotado e será abordado nas próximas semanas.

Uma das coisas mais pedidas nos comentários é a volta do famoso “cara ou coroa” do International Super Star Soccer. Seria demais que ele voltasse, traria mais glamour ao jogo, melhoraria a imersão no game. São detalhes como esse que faltam no PES 2014, que está muito “pelado” no Football Life.

Já o Victor lembrou de algo importante que não está no PES 2014: os pontos de experiência ganhos ao fim de cada partida. Esses pontos seriam usados para comprar itens no extinto PES Shop e etc.

Bem, agora vamos às 5 dicas desta semana, em que iremos focar em melhorias para a base de dados do jogo.

Um editor (off game) para a base de dados:
Uma das coisas mais chatas no PES 2014 é a limitação do modo editar do jogo: ele é extremamente limitado. A solução ideal para isso é fazer a mesma coisa que a Sports Interactive fez no Football Manager: separou o editor do jogo em si, criando um programa externo (oficial, é claro) que permite editar toda a base de dados: times, jogadores, competições… literalmente tudo. Seria um grande avanço para o jogo, pois permitiria aos jogadores personalizarem seu PES ao máximo e, ainda por cima, iria facilitar muito a vida dos editores de patches e option files.

Acabar com os times e jogadores duplicados:
Um grave problema nesse PES 2014 são os times duplicados. Os times brasileiros, argentinos e chilenos da libertadores também estão nas suas ligas. Assim, temos 2 Corínthians no jogo, por exemplo. E são 2 times totalmente diferentes.

Diminuir times fictícios:
Uma das coisas que mais atrapalham a experiência da Liga Master e Rumo ao Estrelato é o excesso de times fictícios, principalmente os que fazem parte da segunda divisão. A Konami deveria focar em licenciar segundas divisões reais para acabar com esse problema. Não precisaria licenciar todas as segundonas de todas as ligas. Aos poucos iriam sendo adicionadas novas, mantendo a genérica para as ligas sem a sua própria série B.

Voltar com o editor de estádios:
Bem, parece chover no molhado falar disso novamente. Entretanto, o editor de estádios faz muita falta nesse PES 2014. A Konami deu uma desculpa de que não poderia inserir essa funcionalidade por “problemas com licenças” mas, como sabemos, isso é impossível. Nenhuma restrição de licença pode impedir um jogo de inserir um editor. Se fosse assim, nenhum jogo teria opções de personalização, um modo de edição. Assim, realmente o editor de estádios não está no PES 2014 por falta de tempo, devido ao prematuro lançamento do jogo.

Interação com o futebol real:
Uma coisa que deveria ser copiado do Fifa é a atualização constante da base de dados de acordo com o desempenho dos jogadores na vida real. Se um jogador está em boa fase, melhora-se as suas habilidades. Se ele se machuca na vida real, também fica machucado no game, e por aí vai… essa questão de interação com o futebol da vida real será algo a ser desenvolvido melhor nas próximas semanas.

E aí, o que achou das dicas desta semana? Não deixe de comentar e também dar as suas próprias dicas. Na próxima semana iremos destacar os melhores comentários. Um abraço a todos e FutebolSeJogaComPES

Webrothers forum: www.we-brothers.net/forum

Comments

comments

Tags : 5 dicasDestaquePro Evolution Soccer
Edu Suliano

The author Edu Suliano

40 Comentários

  1. Eu gostaria que criassem várias Segundas Divisões, mesmo que sejam genéricas, pois pode ser acertadas com OF’s, uma segunda divisão para cada liga, e criar também algumas ligas genéricas da liga alemã, turca, e outras!

  2. Webrothers, sairá ainda alguma atualização de PES 2014 p PS3? Não estou suportando esses goleiros frangueiros e os mísseis disparados por qualquer tipo de jogador.

  3. Pessoal, e a comunidade que também foi extinta? Vocês se lembram dela??? Sei que em dias atuais, nesse nosso mundo virtual, jogamos muito mesmo é online. No entanto, eu possuo amigos que jogam comigo. Antes, tínhamos a comunidade, que guardava resultados e estatísticas o ano todo. Quando saía outro PES, eu corria para comprar e logo criava outra comunidade. Para mim fez muita falta o banimento da comunidade. Webrothers, o que pensam disso??

  4. Tenho uma ideia também que pode ser até rotulada como “capricho” mas creio que muita gente gostaria, é que quando contratássemos alguém de peso na ML OU no rumo ao estrelato se você fosse de um time (onde você desenvolveu bastante) para outro (já com fama de jogador estrela) houvesse apresentação tipo a do Neymar no Barcelona e a do Bale no Real, tipo, só um lado do estádio ocupado por torcedores e o jogador dando tchauzinho pra torcida fazendo uma embaixadinha, coisa rápida, de 15 segundos. Mas seria massa…

  5. mas nesse patch 1.12 pra pc parece que a jogabilidade ta melhor que o patch 1.10 e o goleiro tambem parece ta melhor, eu vi um monte de gameplay e percebi isso

  6. Sobre a última sugestão dada no post: isso já foi um pouco melhorado no PES 2014. Os níveis de vários jogadores foram alterados no último data pack.

    Aumentaram: C. Ronaldo, Ibrahimovic, Neymar, Ribéry, Neuer…
    Diminuíram: Messi, Buffon…

    Quanto à segunda divisão fictícia da Master League, acho que deveriam dar a opção de escolher entre jogar com ou sem ela, porque aguentar aqueles times fakes é uma merda. Por outro lado, é bem legal com um option file que a troque por uma segundona real.
    Sobre os times fictícios, acho que só devem existir na 2ª divisão mesmo, de resto devem ser EXTINTOS. Por algum motivo eles criaram dezenas desses times e eles aparecem em Libertadores e Champions League sem mais nem menos. Isso estraga muito a experiência na Master League.

    Muito bom esses posts de dicas pro PES 2015! Espero que cheguem mesmo aos olhos da Konami! Ótimo trabalho!

  7. Eu sei que não tem haver com o post, mas alguém sabe se existe algum comando em pes 2014 para proteger a bola do adversário com o corpo?
    valeu

  8. 1º minha opinião deviam acabar de vez com times genéricos, colocar só as ligas licenciadas e parcialmente licenciadas e incluir as 2 divisões da frança, Espanha, Itália e brasil ou pelo menos uma pra Europa e outra pra América.
    2º na master legue o próprio jogo criar jogadores e não trazer de volta os jogadores aposentados na master legue.
    3º uma interação maior entre as competições da Europa, asia, América e quem sabe futuramente africa, coloquem por favor um mundial de clubes.
    4º atualizações de elenco e stats de jogadores pelo menos mensais.
    5º poder investir mais no time na master legue, se começar com times pequenos ai começar com estádios horríveis ai vai ganhar grana e construindo um estadio e melhorando a estrutura do clube, categoria de base e etc (precisaria ter o editor de estadio) pra mim falta isso tanto no pes como no fifa daria mais realismo ao jogo.

      1. Tudo bem mas será que simula a realidade? Quem acha possível um mesmo clube todos os anos estar no Mundial? Sim todos os anos o mesmo time africano não existe competição lá? nem barcelona, nem o bayern pode dizer que nos proximos 20 anos marcará presença nesta competição. o q acontece neste mundialito do PES é engraçado tanto que os jogadores não evoluem é sempre saco de pancada, nem é possível sonhar com Zebras como o Raja de Casa Blanca em 2013 contra o Atletico Mineiro. Gostaria que incluisse aqueles clubes que realmente se destacaram nos seus continentes e mais uma questão como é possivel licenciar a champion da Asia se nenhum jogador desta região já esteve próximo de ser o melhor do mundo? Africa é marginalizada mas continua a ser a 3ª maior fabrica de jogadores asseguir a America do sul e Europa. Há anos que produzimos Yaya Touré, Eto´ó, Didier Drogba sem falar que os maiores jogadores que marcaram a seleção Francesa Zidane, Thuram, Makelelé, Patrick Viera, Trezeguet são desse continente, desculpa por particularizar mas é tão fácil licenciar uma liga dos campeões da África ou eles desconhecem a existência de futebol em Africa? falta de licença deixou de ser desculpa.

      2. victor me desculpe, pois comecei a master legue e achei broxante ela e desiste por isso não cheguei a ver o mundial de clubes, hoje jogo pes em casa com os primos e amigos no final de semana, no lugar da master legue to jogando o modo carreira do fifa viciante pra mim que gosto muito da parte de gerenciamento de time, contratos, pre-contratos e etc nele não tem mundial de clubes, pra constar comecei com o portsmouh da 4º divisão da inglaterra.

  9. acho q deveriam reduzir estas ligas fictícias para no máximo 3 e incluir as segundas divisões no jogo mesmo q fosse genérico pois editamos e tudo fica legal o importante seria fazer um maior uso da licença fifpro e ter os jogadores reias para uma master liga mais real falow!!!!

  10. Quem acompanha a franquia PES nos sites sobre a franquia, deve ter visto um comentário no site “concorrente” sobre como eu gostaria que fosse a Master Liga. Vou transcrever abaixo, o texto é meio longo, mas vale a leitura:

    A Master Liga precisa de uma reformulação completa. Eu gostaria que fosse assim: Ao iniciar uma nova Master Liga, nós só poderiamos escolher nome, aparencia e nacionalidade. Depois de escolhido estes itens, nosso empresário apareceria com no máximo 5 propostas de times sem expressão das ligas do jogo (times pequenos), com cada proposta contendo: missão principal (Ex.: escapar do rebaixamento), tempo inicial de contrato, cláusula de rescisão (não cumprir a missão principal), valor do contrato e pontos de experiência (para subir de nivel como técnico de varzea para semi profissional, por exemplo). Cada proposta teria um nivel de dificuldade; quanto maior a dificuldade prevista no contrato, maior o ganho do valor do contrato e de pontos de experiência.
    O jogador só teria acesso aos maiores times do mundo, quando seu nivel de experiência estivesse alto o suficiente.

    Voces podem estar se perguntando: Por que ele acha que isso seria uma boa? Explico: O que temos hoje são, basicamente, dois tipos de jogadores: de um lado temos os que só sabem jogar com Real Madrid, Barcelona e outros times milhonarios e por isso não estão acostumados a ter dificuldade com elenco ou financeiro (mais de 90% dos que jogam a Master Liga devem estar neste lado da balança) e do outro, alguns poucos jogadores que gostam de serem desafiados, de mostrarem o seu valor e ter liberdade para crescer e fazer o time evoluir (Eu gosto disso. Sempre pego algum time pequeno ou o meu time do coração).

    A Master Liga precisa de emoção! Precisa de desafio! Não temos nada que nos instigue a jogar mais do que uma temporada. Coloque missões, ofereça desafios, estabeleça metas, bonus, evolua seu técnico até estar entre os maiores da história do futebol.

    Quer ser um treinador campeão da Champions League ou de uma Copa do Mundo? Rale! Rale muito em times menores, evolua e depois de algumas temporadas bem sucedidas, melhores propostas virão!

    Esse seria o cenário perfeito para uma nova Master Liga no meu ponto de vista.

    PS: Tenho algumas ideias para o Become a Legend tb!, mas fica pra outro post!

    Comentários e sugestões são bem vindos!
    **********************************************************
    Gostaria de poder enviar essa ideia pra equipe responsável pela produção de conteúdo do novo PES! Se alguém souber como, eu agradeço!

      1. Gostaria de concordar com tudo q disse amigo e talvez sugerir uma opção do jogador que se reformar num Clube poder continuar a carreira de treinador no ponto da história q terminou como jogador exemplo: Terminei a minha carreira cheia de títulos e conquistas num Petro de Luanda – Angola ou Chelsea – Inglaterra (conheço o club e sua história há melhor treinador do q eu p assumir o cargo?) poder participar na construção de uma nova equipa nas categorias base do club por um tempo e depois assumir o comando técnico do clube e fazer a minha história de treinador seria da hora.

    1. Também gosto de desafio mas a parte de ‘jogar só uma temporada’ foi pesada hahaha, tipo, ou eu sou ruim mesmo, tô com o Southampton pelo terceiro ano seguido, no 1º ano terminei em 7º no campeonato indo pra UEL e eliminado no 16 avos de final, no 2º ano terminei em 5º (foi emocionante pois perdi na última rodada disputava a vaga com o Tottenham e perdi, fui novamente pra UEL e novamente eliminado na 16 avos de final, dessa vez pelo Barcelona, que incrívelmente caíra na fase de grupos da UCL, nesse terceiro ano eu terminei finalmente em 3º e ganhei a FA CUP, agora peguei o grupo da morte na UCL com Atlétic e Juventus no mesmo grupo, o outro time são os cachorros mortos da Bundesliga, é o Mainz.

  11. Obrigado por citarem meu comentário!
    Essa semana enquanto jogava PES 2014 offline com alguns amigos, uma coisa me irritou: a dificuldade de trocar entre controlar jogadores com analógico ou com direcional. Não dá pra controlar com ambos como acontecia nas versões anteriores.
    Isso foi tirado do game porque agora é possível ajustar a linha de impedimento da defesa. Mas para voltar a poder usar os dois modos de controle, a linha de impedimento poderia ser ajustada com o analógico direito, deixando o direcional e analógico esquerdo livres para serem usados para controlar os jogadores. Isso ajudaria e muito os gamers.

Leave a Response