close

Olá, brothers, tudo de boa? Então vamos a mais uma matéria sobre PES 2018!

Estamos passando por algumas semanas de marasmo em relação a notícias sobre nosso amado Pro Evolution Soccer mas, mesmo assim, conseguimos garimpar alguns assuntos relevantes sobre a nossa amada franquia.

Classificatórias Asiáticas da PES League

Para começar, a PES League divulgou os classificados para a primeira eliminatória, que será disputada em Tóquio:

De cara podemos ver 2 brasileiros classificados para essa eliminatória, Guifera e Felipe Mestre. Creio que, neste ano, o Felipe Mestre vem muito motivado pelo título do Guifera e, por isso, vai brigar lá em cima pelo título. Segue a agenda de competições:

O vencedor das classificatórias asiáticas receberá 8,2 mil dólares:

ASIA ROUND Categoria 1v1 Vencedor:USD 8,200
Fase de Grupos(USD 200 * 3 partidas) + Quartas de Final(USD 600) + Semi Final(USD 1,000) + Final(USD 2,000) + Prêmio ao Vencedor(USD 4,000)

Algum de vocês aí jogam a PES League? Vocês estão pegando muitos derrubadores? tenho usado a PES League pra melhorar meu jogo online. Muitas vezes pego uns caras viciados lá, e tomo vários sacodes. Entretanto, tenho melhorado muito meu toque de bola e rapidez de raciocínio e, com isso, meus resultados nas partidas online e no myClub vem melhorando.

Ainda falando de jogatina online, nesse tipo de jogo, esses dois itens citados são os principais para se alcançar a vitória: toque de bola e rapidez de raciocínio. Com o aumento da dificuldade das partidas contra a CPU, até a Master League pode servir de treino para o online: basta colocar a dificuldade no “lenda” e se preparar pra ser exigido.

Tenho que confessar que estou tomando gosto pela jogatina online (que o diga o meu pato Rogério, que só toma sacolada).

e-Brasileirão conhece seu campeão!

E, no último dia 01 de dezembro, o e-Brasileirão conheceu seu campeão: trata-se de Henrykinho, representante do Cruzeiro. Ele bateu Valber Mendes, que defendia o Atlético Goianiense, na grande final.

– Aqui é Cruzeiro! Vitória para meu pai e minha família que sempre me acompanhou. Muito emocionado de representar meu time do coração. Quero agradecer a todos que torceram para mim. Acho que é um passo de cada vez. O próximo passo é tentar uma vaga no Mundial e depois o título – disse o campeão ao SporTV.

Vale lembrar que, em 2016, ele perdeu a final do e-Brasileirão para o atual campeão mundial, Guifera, que foi eliminado ainda na fase de grupos neste ano. Além do título, Henrykinho se classificou para a  qualificatória das Américas do mundial de PES.

Abaixo vocês poderão ver os dois vídeos da transmissão do e-Brasileirão pela CBF:

Eu aconselho a todos assistirem os vídeos, pois trata-se de uma ótima oportunidade de se conhecer os macetes do jogo e, além disso, se observar o ritmo e intensidade das partidas competitivas.

SporTV e a polêmica do licenciamento

Além disso, tudo foi transmitido pelo SporTV, e foi aí que a coisa ficou interessante. Vejam o vídeo abaixo:

Durante a transmissão, tanto o narrador quanto o comentaristanão se prenderam apenas à transmissão da partida, mas falaram sobre assuntos inerentes ao cenário atual do Pro Evolution Soccer.

Para começar, falaram da importância do engajamento dos clubes no e-Brasileirão, que estavam acompanhando em tempo real pelas redes sociais. Depois, começaram a falar da importância da exposição dos clubes nos jogos e seu papel na captação de novos torcedores. Além disso, o clube licenciado no jogo está expondo seus patrocinadores também, o que potencializa ainda mais a captação de recursos, fora a verba do licenciamento.

De repente, durante a transmissão, o narrador do SporTV começa a falar dos jogadores licenciados e genéricos. Durante a transmissão da final entre Valber (Atlético Goianiense) e Henrykinho (Cruzeiro), ele chama à atenção para o fato do Cruzeiro ter jogadores reais, e o Atlético fakes. Ele pede um esforço aos jogadores em autorizar suas imagens, facilitando o trabalho das produtoras através de um meio organizado de se conseguir esses direitos.

Durante a transmissão, os jogadores que não autorizaram suas imagens no game são bastante alfinetados, e toda a dificuldade em se licenciar o Brasileirão por completo é exposta. Como já falamos em matérias anteriores, esse apoio da Globo, seja pelo Cartola, seja pelo SporTV, é a esperança que temos em ter o licenciamento completo do Brasileirão. E a pressão já começou e, esperamos, que não pare por aí e isso se reverta em atitudes concretas.

Entretanto, projetos futuros também são citados. Fala-se do projeto das partidas do e-Brasileirão acontecerem nas preliminares dos jogos nos estádios, intensão que nos foi passada durante evento na sede da CBF em 2016 (eu estava lá). Assim, o torneio seria em pontos corridos, acompanhando a tabela do campeonato “real”, mas a CBF resiste um pouco a essa ideia, pois crê que um “evento final” é necessário para esse e-Sport.

A diferença dos times no e-Brasileirão

Outro assunto abordado na transmissão é a diferença dos elencos dos times e sua influência no torneio. Enquanto o Henrykinho joga com o Cruzeiro, com alguns bons jogadores, o Valber usa o Atlético Goianiense, um dos piores elencos do Brasileirão.

Isso só mostra a capacidade e a categoria do Válber e, ainda por cima, valoriza ainda mais a vitória do Henrykinho. Ainda não tenho uma opinião formada se esse modelo é o ideal ou se os clubes deveriam ser nivelados no torneio, dando igualdade de condições a todos, mas parece que essa é a intensão da Konami, segundo André Bronzoni.  E vocês, o que acham?

Um abraço a todos e #OCampo é nosso!

Ahhh, e não se esqueçam de nos seguir no Twitter @WebrothersTeam!!!!!!!!!!! Estou lá o dia inteiro e dou as notícias em tempo real!!!!!!!!!!!

>>>> LANÇADA A V3 DO OPTION FILE DO VINNYEXTREME PARA PES 2018 PS4!!!!!!!!!!!!!!!!<<<<<

COMPRE SEUS JOGOS EM MÍDIA DIGITAL COM O RAUL!!!!!!!!!!

MOSTRE A WEBROTHERS PARA OS SEUS AMIGOS!

DENUNCIE DERRUBADORES CLICANDO AQUI!!!!!!!!!!!!!!!!!

NÃO LEIA APENAS, COMENTE A POSTAGEM. O SEU COMENTÁRIO É A NOSSA MOTIVAÇÃO!

Tags : André BronzoniDestaquee-brasileirãoKonamipes 2018PES Leaguepro evolution soccer 2018Winning Elevenwinning eleven 2018
Edu Suliano

The author Edu Suliano