eFootball PES 2020: entendendo o licenciamento do Brasileirão

Olá, brothers, tudo de boa? Então vamos a mais uma matéria sobre eFootball PES 2020!

Antes de mais nada, clique aqui e nos siga no Twitter, lá damos as notícias sobre o Pro Evolution Soccer em primeira mão!

Ah, e no fim da matéria tem o link para a nova versão do option file do Vinnyextreme para PES 2020!!!

Como funciona o licenciamento no Brasil e no mundo?

Sei que os leitores mais antigos da Webrothers já conhecem como funciona todo o processo de licenciamento de campeonatos, clubes e jogadores do Brasil, já falamos muito sobre isso. Entretanto, graças a Deus o eFootball PES 2020 está vendendo bastante e muitos novos fãs precisam ter conhecimento de todo esse processo.

Primeiro, vamos ver como funcionam esses licenciamentos ao redor do mundo. As três grandes ligas europeias, Premier League, La Liga e Bundesliga, tem o mesmo formato de licenciamento: se uma empresa adquiri o licenciamento da liga, vem junto a licença de todos os clubes e jogadores. Por isso, mesmo com o Barcelona, Manchester United e o Bayern sendo parceiros da Konami, eles estão presentes no FIFA 20.

“Mas por que a Premier League tem jogadores reais e a Bundesliga não? A Konami é preguiçosa”, muita gente diz por aí. Acreditem, a Konami não é preguiçosa, podem apostar. Para entendermos isso, precisamos conhecer uma entidade chamada FIFPro (Fédération Internationale des Associations de Footballeurs Professionnels). Quando um país se filia a FIFPro, ela permite que tal órgão gerencie os direitos de imagens de seus jogadores. Assim, basta pagar a FIFPro a quantia previamente estipulada para se ter direito à imagem dos jogadores. Não há exclusividade, qualquer empresa que pague o valor definido terá direito à licença dos jogadores.

E é isso que acontece com a Premier League: os jogadores da Inglaterra fazem parte da FIFPro e, por isso, mesmo sem ter essa licença, a Konami consegue manter os jogadores reais nos times genéricos. O mesmo acontece com a La Liga. Já na Alemanha, os jogadores não fazem parte da FIFPro e, por isso, a Konami não pode fazer o mesmo, não pode manter jogadores reais em times fictícios.

Outro caso curioso é o da Itália, que nos ajudará a entender ainda mais o bizarro caso brasileiro. Por lá, o licenciamento da Lega Calcio só dá direito ao logo da liga, troféu e bola. Assim, as empresas precisam licenciar os clubes um a um para ter o campeonato completo. Entretanto, a Itália faz parte da FIFPro e, por isso, todos os jogadores são licenciados, independentemente do clube estar genérico ou real. Por isso a Juve está exclusiva no eFootball PES 2020 e genérica com jogadores reais no FIFA 20.

Bem, acho que já deu pra perceber como funciona a dinâmica de licenciamento com os exemplos acima. Agora vamos estudar o caso brasileiro. Para começar, assim como a licença da Lega Calcio, a licença do Brasileirão só dá direito ao logo do campeonato, troféu e bola. Assim, a Konami também precisa negociar clube a clube para ter o Brasileirão completo.

Se não bastasse isso, agora vem a maior dificuldade: o Brasil não faz parte da FIFPro e, além disso, não há nenhuma outra entidade que centralize a negociação dos direitos de imagem dos jogadores. Assim, meu caros discípulos de Allejo, a Konami precisa NEGOCIAR INDIVIDUALMENTE COM CADA JOGADOR DO BRASILEIRÃO.

Posto isso, ter o brasileirão licenciado é uma tarefa árdua, que só um louco como o André Bronzoni, Gerente de PES nas Américas, com a ajuda do Gamba, (executivo de licenciamento) poderia encarar. Imaginem ter que licenciar cada jogador dos 40 clubes do Brasileirão A e B (são mais de 1.000 jogadores), gerar um contrato para cada um, correr atrás das assinaturas… Praticamente impossível!

Assim, antes de reclamarmos e atirarmos pedras na Konami e seus executivos, vamos entender o motivo real da coisa.

Como será a atualização no eFootball PES 2020?

Antes de mais nada, vamos assumir que realmente a Konami errou nas redes sociais ao dizer que os clubes brasileiros seriam atualizados no primeiro update do eFootball PES 2020. Dito isso e já sabendo de todo o processo árduo que envolve o licenciamento do Brasileirão, vamos tentar entender porque não houve tempo hábil para a atualização chegar agora.

Se não bastasse todas as dificuldades, surge uma ainda pior: toda vez que um jogador muda de clube, o seu direito de imagem muda de “dono” e, assim, é necessário um novo contrato de licenciamento. Resumindo: para cada jogador transferido no brasileirão, é necessário um novo contrato de licenciamento.

Assim, se a Konami mantiver o calendário dos últimos anos, é provável que os clubes do brasileirão tenham seus elencos atualizados no PES 2020 em menos de um mês, em outubro. Chata a situação? Sim, de fato. Culpa da Konami? De maneira alguma.

Vamos tentar ver o esforço enorme que o Bronzoni e sua equipe fazem nesse tipo de situação.

Como os fãs podem ajudar?

E nós, meros mortais, o que podemos fazer para ajudarmos a Konami nesse processo de licenciamento? Gamba, executivo de licenciamento que trabalha para a Konami, dá a dica:

Sim, vamos entrar nas redes sociais de jogadores e clubes e fazer pressão para que eles liberem suas imagens! Unidos faremos pressão, como já fizemos em outros casos! Como diria o capitão planeta: “o poder é de vocês!”.

Brothers, por hoje é só. Deem seus palpites e desejos, comentem bastante, pois é a interação de vocês que nos motiva a escrever! Podem concordar ou discordar, só mantenham o respeito. Um abraço e não esqueçam,  PES é #OPoderDoFutebol !

Ahhh, e não se esqueçam de nos seguir no Twitter @WebrothersTeam!!!!!!!!!!! Estamos lá o dia inteiro e damos as notícias em tempo real!!!!!!!!!!! OBS: conheça toda a nossa equipe clicando aqui.

Se você quiser compartilhar informações conosco, basta enviar um e-mail para we-brothers@we-brothers.net, ok?

>>>> Saiuuuuu O Option File VinnyXtreme  V14 para PS4!!!!!!!!!!! Só Clicar Na Imagem Abaixo E Conferir!<<<<<

MOSTRE A WEBROTHERS PARA OS SEUS AMIGOS!

DENUNCIE DERRUBADORES CLICANDO AQUI!!!!!!!!!!!!!!!!!

NÃO LEIA APENAS, COMENTE A POSTAGEM. O SEU COMENTÁRIO É A NOSSA MOTIVAÇÃO!