close

Olá, brothers, tudo de boa? Então vamos a mais uma matéria sobre PES 2019!

Marmelada no Prêmio eSports Brasil

Brothers, na última quarta-feira, 19 de dezembro, aconteceu o Prêmio eSports Brasil, que se auto denomina o maior evento de eSports da América Latina. Vamos dar uma olhada nos vencedores de cada categoria?

Melhor atleta de League of Legends.
Finalistas: Alexandre “TitaN” Lima, Felipe “brTT” Gonçalves, Matheus “dyNquedo” Rossini.
Vencedor: Matheus “dyNquedo” Rossini.

Melhor atleta de Dota 2.
Finalistas: Heitor “Duster” Pereira , Otávio “Tavo” Gabriel, William “hFn” Medeiros.
Vencedor: William “hFn” Medeiros.

Melhor atleta de CS:GO.
Finalistas: Epitácio “TACO” Melo, Gabriel “FalleN” Toledo, Marcelo “coldzera” David.
Vencedor: Gabriel “FalleN” Toledo.

Melhor atleta de Overwatch.
Finalistas: Felipe “liko” Lebrao , Mateus “neil” Kröber , Renan “alemao” Moretto.
Vencedor: Felipe “liko” Lebrao.

Melhor atleta de Card Game.
Finalistas: Leo ”leomane” Almeida, Lucas “Rase” Guerra, Rodrigo “Perna” Castro.
Vencedor: Lucas “Rase” Guerra.

Melhor atleta de Rainbow Six Siege.
Finalistas: André “nesk” Oliveira, Gabriel “cameram4n” Hespanhol, Leo “zigueira” Duarte.
Vencedor: André “nesk”Oliveira.

Melhor atleta de outras modalidades.
Finalistas: Diego “kelazhur“ Schwimer (Starcraft 2), Joseph “Tecnosh” Touma (PUBG) , Thomas “Brolynho” Proença (Street Fighter V).
Vencedor: Diego “kelazhur“ Schwimer (Starcraft 2).

Atleta revelação.
Finalistas: Luccas “Paluh” Molina (Rainbow Six), Maick ”NoMercy” Barbosa (Arena of Valor), Sergio “Surgical TS” Gonçalves (Clash Royale).
Vencedor: Luccas “Paluh” Molina (Rainbow Six).

Melhor atleta de mobile games.
Finalistas: King João (Clash Royale), Maick “NoMercy” Barbosa (Arena of Valor), Sergio “Surgical TS” Gonçalves (Clash Royale).
Vencedor: Maick “NoMercy” Barbosa (Arena of Valor).

Melhor atleta de eSports.
Participantes: André “nesk” Oliveira, Diego “Kelazhur” Schwimer, Felipe “liko” Ruiz, Gabriel “FalleN” Toledo, Lucas “Rose” Guerra, Maick “NoMercy” Barbosa, Matheus “Dynquedo” Rossini, Pedro Resende e William “hFn” Medeiros.
Vencedor: André “nesk” Oliveira.

Melhor streamer.
Finalistas: Felipe “YoDa” Noronha, Flávio “Jukes” Fernandes, Neto “netenho” Cavalcante.
Vencedor: Neto “netenho” Cavalcante.

Melhor organização.
Finalistas: Black Dragons, Flamengo eSports, W7M.
Vencedor: Black Dragons.

Melhor jogo.
Finalistas: CS:GO, League of Legends, Rainbow Six Siege.
Vencedor: League of Legends.

Craque da Galera.
Finalistas: Caio “400kg” Lazzaro, Eidi “esA” Yanagimachi, Felipe “brTT” Gonçalves.
Vencedor: Felipe “brTT” Gonçalves.

Personalidade do ano.
Finalistas: Felipe “Yoda” Noronha, Camila “Camilota” Silveira, Alan “Alanzoka” Ferreira.
Vencedor: Felipe “Yoda” Noronha.

Melhor atleta de Futebol Virtual.
Finalistas: Felipe Mestre, Guilherme “GuiFera”, Pedro Resende
Vencedor: Pedro Resende.

Bem, agora vejam comigo a marmelada que foi esse prêmio no quesito “Melhor atleta de futebol virtual”: o vencedor, o pro player de FIFA Pedro Resende, não ganhou nada no último ano e seu único feito foi ter entrado no TOP 10 de FIFA 19, que leva ao mundial. Já Felipe Mestre, foi vice campeão mundial de PES 2018 e campeão da PES League Américas de PES 2019.

E aí, os jurados foram justos, coerentes? Claro que não! Uma lástima, uma vergonha esse resultado! Mas não é a primeira que isso acontece! No ano passado, eles deram o prêmio para o Wendell Lira, que também não havia conquistado nada para recebê-lo mas, num ato de nobreza, ele abdicou do prêmio no palco e o entregou ao Guilherme “Guifera” Fonseca, que havia se sagrado campeão mundial de PES 2017.

Bem, o que esperar de um evento realizado pela Globo? Tomara que, após o corte de verba de propaganda federal que o Bolsonaro vai promover, eles passem a fazer as coisas direito. Bem feito!

Assim, anuncio que Felipe Mestre é o verdadeiro vencedor desse prêmio, pois ele é o melhor Atleta de Futebol Virtual de 2018! Que se danem os jurados imparciais da Globo!

OBS: o Pedro não tem nada a ver com isso, parece ser um cara legal e um ótimo pro player. Nossa indignação não é com ele.


Podemos perder o estádio do Ajax no PES 2020?

Ontem, o tradicional clube holandês Ajax e a EA Sports anunciaram uma parceria de três anos. Vejam a nota oficial:

Um dos principais objetivos dessa parceria é oferecer conteúdo exclusivo e específico para os fãs do Ajax em todo o mundo, através dos diferentes clubes e canais da EA SPORTS FIFA . Os fãs podem esperar que várias novas iniciativas sejam desenvolvidas ao longo da parceria, estrelando os principais jogadores do clube em combinação com a franquia EA SPORTS FIFA .

Com a adição da Liga dos Campeões da UEFA em todo o FIFA 19 , há ainda mais oportunidades para ativar a parceria, já que o Ajax está representando a Holanda nos últimos 16 em uma das mais prestigiadas competições de clubes de futebol.

Diretor Comercial do Ajax, Menno Geelen: “Há dois anos, formamos nosso departamento de eSports com a assinatura do nosso primeiro FIFA ePlayer. Desde esse momento, nosso domínio virtual evoluiu rapidamente para um método relevante para interagir com nossos fãs mais jovens. Com a Electronic Arts, encontramos um importante parceiro para apoiar nossa futura ambição de nos conectar com todos os jogadores da FIFA em todo o mundo. ”

Dirk Scholing, Country Manager Benelux da Electronic Arts, compartilha uma visão semelhante: “Estamos muito entusiasmados com a parceria com este importante clube. Nos últimos anos, trabalhamos juntos em torno do lançamento do nosso jogo EA SPORTS FIFA com o Ajax. Com essa colaboração, teremos a certeza de fornecer ótimos conteúdos e experiências para os fãs de todo o mundo”.

Bem, até aí que se dane, mas uma coisa deixou os fãs preocupados: será que perderemos a Johan Cruijff Arena para o PES 2020? Não, brothers, não perderemos. Eu mesmo fiquei preocupado, mas o nosso amigo e também escritor da Webrothers, William Martins, fez uma rápida investigação e descobriu que o estádio não pertence ao Ajax. Na verdade, ele pertence à empresa Vereniging Van Eigenaars Amsterdam Arena, que foi com quem a Konami negociou, diretamente, a licença do estádio.

Assim, brothers, não perderemos o estádio por essa parceria… A não ser que a EA chegue com um caminhão de dinheiro e o licencie com exclusividade junto a Vereniging Van Eigenaars Amsterdam Arena, o que acho pouco provável.


E a J-League, vem ou não vem?

E a novela J-League? Ela chega ou não ao PES 2019? Essa dúvida nos acometeu quando, no dia 20/06/2018, noticiei aqui que os editores que trabalhavam na base de dados do PES 2019 haviam recebido os clubes e jogadores da J-League para editar (pra quem não lembra, basta ler a matéria aqui).

Antes disso, ainda em dezembro de 2017, Konami e J-League anunciaram uma parceria (leiam aqui), que a princípio seria apenas para PES/WE mobile. Entretanto, no anúncio da parceria, eles também falam de uma futura parceria nos eSports, o que nos leva a pensar: se tem eSports, a J-League precisa chegar também aos consoles!

O terceiro indício da chagada dessa liga surgiu ontem: editores de uma equipe de option files ligada a Konami, teriam recebido o “conselho” de não perderem tempo editando a J-League em seus próximos option files, ou seja, ela poderia chegar ainda no PES 2019 via DLC.

E aí quem está torcendo para a chegada da J-League ao PES? Lembrem-se de encarar a notícia como rumor, já que as fontes não podem ser citadas. Pessoalmente, acho que ela chega sim, seja no PES 2019, seja no PES 2020. É só um questão de tempo!


DLC 4.0 com estádios e uma nova liga?

Brothers, a DLC 4.0 de PES 2019 tem como datas prováveis os dias 14 e 21/02/2019. Dito isso, vamos ver quais devem ser os principais conteúdos da atualização (especulação nossa, rumor!!!):

  • Atualização das transferências após o fechamento da janela europeia em 31/01/2019 (isso é certo);
  • Novos estádios (Ibrox Stadium e Celtic Park já confirmados);
  • J-League (tomara, oremos!);
  • Novas faces, chuteiras, atualização de uniformes e etc.

Na parte dos estádios, nessa semana a Konami soltou imagens dos dois estádios escoceses, o Ibrox Stadium (Rangers) e o Celtic Park (Celtic). Vejam:

Bem, eu tenho esperanças de que venha pelo menos mais um estádio de “surpresa”, assim como a Konami fez com o De Kuip, estádio do Feyenoord.

Entretanto, nossa maior torcida para essa DLC segue sendo uma provável chegada da J-League!

Oremos!


E esse golaço do Batigol?

Pra fechar, deixo pra vocês esse golaço que fiz com o Batistuta!

Foi golaço ou não foi?


Brothers, espero que tenham gostado da matéria de hoje. Comentem bastante, pois é a interação de vocês que nos motiva a escrever! Podem concordar ou discordar, só mantenham o respeito.

Um abraço e não esqueçam,  PES é #OPoderDoFutebol !

Ahhh, e não se esqueçam de nos seguir no Twitter @WebrothersTeam!!!!!!!!!!! Estamos lá o dia inteiro e damos as notícias em tempo real!!!!!!!!!!!

OBS: conheça toda a nossa equipe clicando aqui.

Se você quiser compartilhar informações conosco, basta enviar um e-mail para we-brothers@we-brothers.net, ok?

>>>> Saiuuuuu a v4 do of do Vinny para PES 2019 PS4!!!!!!!!!!!!!!!! Só clicar na imagem abaixo e conferir!<<<<<

MOSTRE A WEBROTHERS PARA OS SEUS AMIGOS!

DENUNCIE DERRUBADORES CLICANDO AQUI!!!!!!!!!!!!!!!!!

NÃO LEIA APENAS, COMENTE A POSTAGEM. O SEU COMENTÁRIO É A NOSSA MOTIVAÇÃO!

Tags : AjaxCeltic ParkDestaqueFelipe MestreIbrox StadiumJ-lEAGUEJohan Cruijff ArenaKonamipes 2019Prêmio eSports BrasilPro Evolution Soccerpro evolution soccer 2019
Edu Suliano

The author Edu Suliano